Bancos inteligentes

Boston adota “smart benches”nos parques da cidade, bancos de sentar ao ar livre com tomadas e sensores alimentados por energia solar. 

Inventados pelo MIT Media Lab, permitem a recarga de aparelhos eletrônicos, como celulares e tabletes, através de portas USB. E coletam informações como qualidade do ar, temperatura, umidade, nível de ruído, quantas pessoas o usaram etc.

“Seu celular não faz apenas chamadas de voz, então por que os nossos bancos seriam apenas para sentar?” disse o Prefeito Martin J. Walsh.

São três mulheres as criadoras dessa peça de mobiliário urbano inteligente, a que deram o nome de Soofa. A visão que Jutta Friedrichs, Sandra Richter e Nan Zhao perseguem é bem bacana: “Getting you out of the homes and into a new, smarter and more sustainable city” (fazer você sair de casa ao encontro de uma nova cidade, mais inteligente e mais sustentável). Visite o site delas, Soofa.

Sem comentários

Comente

Planejador de marca e comunicação. Fundador da agência NBS e do Grupo de Planejamento de São Paulo. Ex- Presidente e atual consultor do Conselho Diretor do Instituto Socioambiental. Saiba mais
  • Boletim do Jura