Uma dupla criativa como nenhuma outra

No Reino Unido não há a menor dúvida: Tom Carty e Walter Campbell formaram a dupla mais brilhante da propaganda britânica nos anos 80 e 90.

walt2

Walter Campbell

Walter se formou no Belfast College of Art & Design e se tornou diretor de arte na agência BSB/Dorland, uma das maiores do Reino Unido no final dos anos 80 (New York Times). Já o Tom abandonou a escola aos 16 anos e entrou na agência como office boy. Aos 19, virou redator.

Hoje, isso é impossível de acontecer, seja lá, aqui ou na cochinchina. Todavia, me faz lembrar do caso da secretária, Peggy, que o diretor de criação, Don Draper, transforma em redatora junior no período de poucos meses, em Mad Men.

TomCarty

Tom Carty

Ao contrário dos estereótipos de Mad Men, nenhum dos dois bebia álcool. Eram ambos de família católica irlandesa e fanáticos pelo Manchester United. Talentosos, ambiciosos, impetuosos, confiantes e, por vezes, arrogantes.

Da BSB/Dorland onde começaram, foram para a TBWA. Em 1991 entraram na gigante AMV/BBDO, do super-diretor de criação David Abbot, onde deram o que tinham de melhor. Trabalharam juntos por 10 anos e depois cada um seguiu seu caminho.

Campbell incursionou pelo cinema. Duplou com o diretor Jonathan Glazer em Under the Skin, com Scarlett Johansson. Mas seguiu trabalhando em propaganda, alternando-se entre ser diretor de arte em agências e diretor de comerciais na produtora Serious Pictures.

Recentemente (2012), depois de passar pela Anamoly (2010), foi para a TBWA ganhando mais do que o Presidente da agência: “Why Walter Campbell is worth more than he is“. 

Tom Carty, a partir de 2001, tornou-se o que sempre sonhou ser, além de redator: um diretor de comerciais requisitadíssimo. Sua maior influência veio de Tony Kaye, que dirigiu quase todos os filmes badalados da dupla, compondo com ela uma trinca bem sucedida. Veja a entrevista dele para a Campaign, em reconhecimento ao Tony.

O vídeo abaixo é uma montagem visual que o Walter Campbell incluiu em seu portifólio na produtora Serious Pictures. É uma síntese dos principais trabalhos da dupla.

Em seguida, clique nas barras cinzas para expandir cada item e ver quatro das grandes campanhas de Tom Carty e Walter Campbell.

Kiss.FM. Música é vida.

MusicO primeiro grande filme foi da Kiss.FM, inaugurando uma linguagem de vídeo revolucionária e controversa à época. E muito copiada, até hoje.

A direção é de Malcom Venville. Música de Kyan Laslett O’Brien, a quem pedi permissão para usar esse vídeo do seu pessoal. Não me respondeu até agora.

Se o vídeo estiver bloqueado, clique e veja-o no próprio Vímeo. Depois volte para ver o resto.



Dunlop. Pronto e testado para o inesperado.

O conceito de produto é simples e direto. Pneu à toda prova. A ideia e a realização são poderosas, viajando no inesperado. Trilha sonora do Velvet Underground: Venus in Furs (Venus em peles). Também inaugura uma nova linguagem, muito copiada, até hoje.



Volvo. Segurança sim, chatice não.

A segurança tão apreciada pela classe média, alvo central da marca, precisava atrair outros segmentos do público, sob o risco de confinar a marca. Ou seja, como tirar a Volvo do colo da classe média chata?

Tornado


Stuntman



Guinness. Cerveja de velho, de jeito nenhum.


Essa era a percepção da marca no Reino Unido, uma cerveja de velho – preta, espessa, antiga, bebida por operários. Dois comerciais mudaram esse percepção. A história do primeiro, “Surfista”, meu preferido, contei neste post anterior: “O melhor comercial de cerveja de todos os tempos“.

O “Nadador” você pode ver aqui:


 


 

Fontes: The New York Times; FastCoCreate; FastCompany; AdWeek; CampaignLive; Wikipedia; About; Answers, Campaign.

Sem comentários

Comente

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Planejador de marca e comunicação. Fundador da agência NBS. Vice-Presidente do Grupo de Planejamento. Presidente do Conselho Diretor do Instituto Socioambiental. Fotógrafo amador, blogueiro e pescador idem. Saiba mais
  • Últimas do Instagram