Casal filma sexo em loja Uniqlo e escandaliza a China

É um homem de óculos, vestido de preto, sodomizando uma mulher nua no provador de roupa de uma loja Uniqlo de Beijim. Ele filma a cena no espelho.

Uniqloshirt Publicado ontem no site de microblogging WeChat e no Weibo (Twitter chinês), em questão de horas o filminho-selfie tinha milhões de views e um monte de autoridades chinesas berrando ao telefone tentando retirá-lo da internet. Conseguiram.

Alguém pegou os frames do filme e lançou uma coleção de camisetas dedicadas.

Daí o povo inventou um monte de modas, como tirar foto em frente de qualquer loja Uniqlo, fingindo um ato sexual.

As autoridades chinesas afirmaram que a ação “viola os valores essenciais socialistas” da nação.

uniqlosselfieA marca japonesa, que possui 368 lojas na China, negou veementemente que se tenha tratado de uma ação de marketing intencional.

Se a identidade do casal for descoberta, cada um pode pegar dois anos de prisão.

Leia mais a respeito no Libération, Guardian, MarketingInteractive, Globo.

Se quiser, tente baixar o vídeo no Asian51 –  por sua conta e risco, é um site oficial de pornografia.


 

l3ueKbZ

 

 

Sem comentários

Comente

Planejador de marca e comunicação. Fundador da agência NBS e do Grupo de Planejamento de São Paulo. Ex- Presidente e atual consultor do Conselho Diretor do Instituto Socioambiental. Saiba mais
  • Boletim do Jura